Skinheads atacam novamente em São Paulo. Adolescente foi arrastado por carro.

Este post foi gentilmente patrocinado por: Clínica de Reabilitação | Segurança Patrimonial




Na noite desta quinta-feira (14) três Skinheads (membros de grupos violentos, ultra-nacionalistas e racistas) foram presos em flagrante após arrastarem um estudante de 15 anos no bairro do Limão, zona norte da cidade de São Paulo.

Testemunhas afirmam que viram o adolescente com seu irmão e alguns amigos em um ponto de ônibus quando os Skinheads puxaram seu braço de dentro de um Uno vermelho e o arrastaram por cerca de 60 metros.

Após terem chegado na cena do crime depois de uma chamada para atender uma vítima de atropelamento, os guardas civis encontraram com os agressores que voltavam ao local, e os prenderam após perseguição.

Os três Skinheads serão acusados por tentativa de homicídio. O adolescente permanece na UTI do Hospital de Vila Nova Cachoeirinha, com ferimentos graves na cabeça, rins, pulmões e olhos.

Casos de violência causada por Skinheads não é novidade para a cidade de São Paulo. Somente no ano passado foram divulgados dois outros casos de agressão atribuídos a tais grupos de intolerância; nestes dois casos as agressões estavam relacionadas a "grupos rivais" dos Skinheads (esqueitistas e a tribo identificada como "emos").

Eu recomendo:

Empresa de Segurança Patrimonial | Empresa de Segurança
| Segurança Pessoal | Segurança Privada | Empresa de Segurança Pessoal| Segurança Eletrônica | Empresa de Segurança Eletrônica | Escolta Armada | Empresa de Escolta Armada | Serviços Gerais | Empresa de Serviços Gerais | Monitoramento Eletrônico | Empresa de Monitoramento Eletrônico

2 Response to Skinheads atacam novamente em São Paulo. Adolescente foi arrastado por carro.

Anônimo
26 de julho de 2010 02:57

BONEHEADS, isso sim! E NÃO "Skinheads"! A origem do Skinhead é jamaicana.

Anônimo
9 de dezembro de 2010 18:08

Não passam de uma escória humana, são apenas um câncer pra nossa sociedade,câncer esse que deve ser combatido o quanto antes, antes que tenhamos mais casos de morte e espancamentos causados por lixos humanos como esses

Postar um comentário